Endemias realiza ‘Bloqueio Educativo’ em empresas da região norte

0
36

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Coordenação de Controle de Endemias, prossegue com ações educativas de combate ao Aedes Aegypti no Parque Germano Balan, região norte de Londrina, apontado pelo 1º Levantamento Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) de 2017 como o bairro com maior índice de infestação da cidade.

Segundo os dados divulgados no LIRAa, a cada 100 imóveis visitados pelos agentes de endemias, 40 estavam com focos do mosquito. Por isso, desde o dia 2, estão sendo realizadas diversas ações de combate no bairro.

Na próxima sexta-feira (10), às 8h30, será realizada a iniciativa “Bloqueio Educativo” na Gráfica Dallas, localizada na rua Lupércio Pozatto, 735. Vão participar 12 colaboradores da empresa. Trata-se de uma palestra de conscientização sobre a importância do combate ao mosquito transmissor da dengue e outras doenças. Será apresentado o ciclo evolutivo do Aedes, o modo de transmissão, sintomas das doenças transmitidas por ele e meios de prevenção.

A educadora em Endemias da Secretaria Municipal de Saúde, Lucimara Vasconcelos, informou que serão distribuídos panfletos com diversas orientações, entre elas as características do mosquito, sintomas, prevenção e um checklist que reúne orientações sobre os principais locais com os quais se deve ter maior cuidado.

Também na sexta-feira (10), às 11h30, a mesma ação acontece na Cooperativa Coper Mudanças, localizada na rua Lupércio Pozatto, 800. Estarão presentes cerca de 40 colaboradores da empresa. Na próxima semana, na segunda-feira (13), às 8h30, a palestra educativa será na empresa RC Marmoraria, na rua Pedro Bertoluci, onde participam oito colaboradores.

De acordo com Lucimara, o objetivo destas ações é conscientizar as empresas sobre o índice de infestação do Aedes do bairro, para que ele possa diminuir. “Levaremos os dados para eles e mostraremos os locais que podem acumular água, vindo a servir de criadouros para o mosquito. Também pretendemos treinar um colaborador que fique responsável por observar estes locais, pelo menos, duas vezes por semana, em dias intercalados”, ressaltou.

Desde o dia 2, os agentes de campo estão desenvolvendo um trabalho de orientação e vistoria nas empresas. “Eles entram nos estabelecimentos e além de fazer o trabalho de orientação e vistoria, os agentes fazem o tratamento e eliminação dos focos, quando necessário. Se for o caso, eles também dão um treinamento para o responsável pela empresa”, lembrou a educadora.

Palestras

Os empresários que têm interesse em agendar palestras e treinamentos com os agentes de endemias devem telefonar no 3372-9427, de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h. Já o morador que presenciar casas e terrenos com lixo descartado de forma irregular pode denunciar pelo telefone 0800 400 1893, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Também é possível ligar na Guarda Municipal, no 153, e na Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), no 3379-7900.

Números da dengue

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou, nesta quarta-feira (8), o relatório semanal com os dados sobre a dengue em Londrina. Do início do ano até o momento, foram registradas 578 notificações relacionadas à doença. Deste total, oito casos foram confirmados e 79 descartados. Outros 491 estão em andamento, aguardando o resultado de exames laboratoriais.

Deixe seu Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here