Epidemia de vírus da Zika na Flórida

0
24

Em agosto de 2016, as autoridades de saúde norte-americana emitiram alerta para que mulheres grávidas evitem visitar a região de Wynwood, em Miami. Na área, foram confirmados pelo Departamento de Saúde da Flórida casos de Zika transmitido localmente por mosquito. Também foram registrados casos de transmissão do vírus da Zika em outros locais do sul da Flórida.

Em dezembro de 2016, o Governador da Flórida, Rick Scott, e representante do Centro para Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (U.S. Centers for Disease Control and Prevention – CDC) informaram não existirem mais áreas de transmissão ativa do vírus da Zika em Miami ou em qualquer outro local da Flórida. No entanto, o CDC mantém alerta para que grávidas considerem adiar viagens para o condado de Miami-Dade. Medidas de precaução para evitar a transmissão do vírus da Zika devem ser mantidas.

Dessa forma, permanecem válidas as orientações gerais do CDC, quais sejam:

  • Gestantes e seus parceiros sexuais preocupados com uma possível exposição ao Zika devem considerar o adiamento de viagens não essenciais para todas as partes do condado de Miami-Dade;
  • Grávidas e seus parceiros que morem ou viajem para essa área devem seguir estritamente as recomendações para prevenir picadas de mosquitos;
  • Mulheres e homens que residam ou tenham viajado para essa área, e que tenham uma parceira sexual grávida, devem usar preservativos para evitar uma possível contaminação por via sexual;
  • Gestantes que vivem ou viajaram para essa área devem fazer o teste para detectar a doença;
  • Mulheres que vivem ou viajaram para essa área devem conversar com um profissional de saúde sobre planos de engravidar;
  • Mulheres planejando engravidar em um futuro próximo devem procurar evitar viagens não essenciais para essa região;
  • Mulheres que viajaram para essa região devem esperar pelo menos 8 semanas, independentemente de terem apresentado os sintomas, antes de tentar engravidar;
  • Homens que viajaram para essa região devem esperar pelo menos 6 meses, independentemente de terem apresentado os sintomas, antes de tentar engravidar suas parceiras.

Para informações a respeito dos kits de prevenção e dos testes gratuitos para grávidas, o telefone de contato é (305) 324-2400.

Para solicitar um repelente, contate o “Miami-Dade County Mosquito Control” pelo 311. O “Florida Health” ainda criou uma linha para esclarecer dúvidas e passar informações a respeito do vírus da Zika: 1-855-622-6735.

Recomenda-se o uso de repelentes e de roupas que protejam o corpo para grávidas e para quem deseja visitar as regiões afetadas. Essas medidas de precaução devem ser observadas em todas as áreas de Miami ou do sul da Flórida.

Para mais informações, pode-se acessar o site do CDC. Recorda-se que o CDC publicou em seu portal eletrônico informações em português sobre locais no país com risco de infecção pela doença, formas de prevenção e demais recomendações:
http:portugues.cdc.gov/zika/intheus/florida-update.html
http:portugues.cdc.gov/zika/intheus/what-to-do.html
http:portugues.cdc.gov/img/cdc/PT_49298.pdf

Deixe seu Comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here