Índice de infestação aponta risco moderado de epidemia de dengue em Cascavel, diz prefeitura

O Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti (LIRAa) de Cascavel, no oeste do Paraná, indicou que a cidade corre risco moderado de epidemia da dengue. Segundo o Setor de Controle de Endemias da Secretaria de Saúde da cidade, o índice médio ficou em 2,9%.

O resultado do LIRAa foi apresentado na tarde desta quinta-feira (4).

Segundo a Secretaria de Saúde de Cascavel, foram inspecionados 4.367 imóveis na cidade, entre os dias 1º e 3 de abril. Os agentes encontraram 142 amostras de larvas do mosquito Aedes aegypti.

O índice de 2,9% é menor do que o primeiro levantamento feito em 2019, quando o resultado foi de 3,9%.

Nos bairros da região sul da cidade foram registrados os maiores índices de infestação. De acordo com a secretaria, a região apresentou média de 5,4%, o que é considerado alto risco de infestação. O Ministério da Saúde indica índices abaixo de 1,0% como aceitáveis.

Ainda conforme o levantamento municipal, quase metade das larvas do mosquito foram encontradas em lixos e resíduos sólidos. Mais de 24% das amostras com larvas estavam em recipientes com vasos, pratos e frascos com plantas.

Locais com larvas do aedes aegypti

  1. Lixo e outros resíduos sólidos – 43%
  2. Depósitos móveis (vasos e pratos, frascos com plantas, bebedouros de animais, etc) – 24,6%
  3. Pneus e outros materiais rodantes – 12%
  4. Depósitos ao nível do solo – 12%
  5. Depósitos fixos (calha, laje, ralos, sanitários em desuso, etc) – 5,6%
  6. Depósitos naturais (buracos em árvores, bromélias, etc.) – 2,1%
  7. Depósitos elevados ligados a rede – 0,7%

Cuidados

A Prefeitura de Cascavel informou que vai realizar ações de conscientização nas regiões da cidade com maiores índices de infestação. O objetivo é evitar casos de doenças causadas pelo mosquito, que transmite dengue, zika e chikungunya.

Na terça-feira (2), a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) anunciou 501 novos casos de dengue no Paraná em uma semana. Em Cascavel, 106 casos já foram confirmados pela Sesa. Ao todo, 2.023 casos de dengue foram confirmados no Paraná.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *