Sem controle do mosquito, município inicia fumacê em pontos estratégicos

Centenas de moradores do centro de São Miguel do Oeste acordaram, na manhã desta terça-feira (2), com a sinfonia de motores de pulverizadores . É que às 6h, uma equipe do Departamento de Combate a Dengue do município realizou um trabalho de fumacê, para tentar controlar o grande número de focos do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zica e chikungunya.

Segundo o coordenador do Departamento, Célio Silva, os agentes aplicaram o inseticida nas proximidades do terminal rodoviário, devido ao grande fluxo de pessoas. Ele ainda relata que neste ano foram identificados 374 focos no município, a maioria atrelada a falta de cuidados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *