Presidente Prudente registra 16 casos de leishmaniose em cães no início de 2019

1200px phlebotomus pappatasi bloodmeal begin 1 1 - Pragas e Eventos

A Prefeitura de Presidente Prudente, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), divulgou nesta quinta-feira (21) os primeiros casos de Leishmaniose Visceral Canina (LVC) de 2019.

Até o momento, foram 16 registros da doença, sendo 15 autóctones, aqueles contraídos no próprio município, e um importado.

Os bairros Jardim Cobral, Vila Verinha e Residencial Maré Mansa tiveram dois casos confirmados cada um. Já os bairros Residencial Funada, João Domingos Netto, Bongiovani, São Judas, Centro, Vila Marcondes, Jardim Prudentino, Itapura 1, Residencial Monte Carlo e Jardim Aviação tiveram uma confirmação.

Todos os casos da doença já foram lançados no portal eletrônico e podem ser acompanhados pelo site.

fileg 400437 1 - Pragas e Eventos
Casos de leishmaniose em Presidente Prudente podem ser acompanhados pela internet — Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *